Paróquia de Livramento celebra a Santa Ceia do Senhor Jesus Cristo

 

TRÍDUO PASCAL

O Tríduo Pascal compreende 3 celebrações do mistério do Ciclo Pascal. São elas: a MISSA DA CEIA DO SENHOR, aSOLENE AÇÃO LITÚRGICA DA PAIXÃO E MORTE DO SENHOR e a PÁSCOA DO SENHOR, a qual conta com duas missas, a VIGÍLIA PASCAL, o momento mais importante de todo o ano litúrgico e a MISSA DO DIA DA PÁSCOA.

CEIA DO SENHOR

Nesta noite santa, celebramos o mistério da instituição da Eucaristia, que se é confirmado na Paixão do Senhor, durante a Sexta-feira Santa, mas tem sentido apenas pela Ressurreição, ocorrida na Páscoa. A Eucaristia é tudo para a Igreja. Nada existiria sem a presença constante de Cristo Vivo no meio de nós. Jesus Cristo deixa sua presença marcada na celebração da eucaristia, não de modo simbólico, mas de modo real, pois comungamos o seu corpo e seu sangue naquele momento. A CEIA do Senhor é a missa lembrada em TODO o ano litúrgico, exceto na própria Sexta-feira Santa. Até mesmo nos dois momentos mais solenes do ano, a Vigília Pascal e o Natal, sempre recordamos as palavras de Cristo sobre sua presença eucarística:

“Tomai, todos, e comei: este é o meu Corpo que será entregue por vós. Tomai, todos, e bebei: este é o cálice do meu Sangue, o Sangue da nova e eterna aliança, que será derramado por vós e por todos, para remissão dos pecados. Fazei isto em memória de Mim”.

LAVA-PÉS

Apesar de celebramos a Eucaristia, o Evangelho não mostra a partilha do Pão e do Vinho, como nos mostram os evangelistas sinópticos, sobretudo Lucas. Neste excerto, lemos o livro de João, que não narra a partilha do Pão, mas narra a ocorrência da Ceia do Senhor e do grande gesto do Lava-pés. Aqui, vemos a humilhação de Jesus perante seus discípulos, pois o ato

de lavar os pés era considerado indigno e humilhante, feito apenas pelos serventes dos mais poderosos. Jesus quebra com este preceito e mostra que a humildade é o caminho de Deus. Aqui se encontra a celebração do Amor e da Caridade, exaltados no antigo hino gregoriano “Ubi caritas et amor, Deus ibi est”, que quer dizer: “Onde houver amor e caridade, Deus estará ali.” Jesus, prestes a ser preso e morto, transmite mais um ensinamento a seus discípulos: “Amai-vos uns aos outros”. Estas palavras não são lidas na liturgia de hoje, mas se encontram dentro do discurso de Jesus durante a sua Última Ceia, também no Evangelho de São João.

ADORAÇÃO EUCARÍSTICA

Após a Missa da Ceia do Senhor, é realizada a Adoração Eucarística, no são paroquial. A assembleia sai em procissão até e inicia a adoração, com uma hora de duração. Na Sexta-feira Santa, prossegue a adoração eucarística. As vigílias são dividas de uma em uma hora.

A MISSA SOLENE DA CEIA DO SENHOR SERÁ REALIZADA ÀS 16:00, NESTA QUINTA-FEIRA SANTA, 24/03, NA PARÓQUIA DE NOSSA SENHORA DO LIVRAMENTO. APÓS A MISSA, OCORRERÁ A PROCISSÃO DO SANTÍSSIMO ATÉ O SALÃO PAROQUIAL E A ADORAÇÃO EUCARÍSTICA.

Pascom paroquial

Comentários fechados.